Futsal (Descontinuado)

Os bravos morrem de pé

taca portugal arsenal derrotaTerminou a participação da ACD Igreja Velha na edição deste ano da Taça de Portugal em futsal. No passado sábado, nas Colmeias, a nossa equipa perdeu frente ao Arsenal Clube Parada, equipa de Águas Santas - Maia, por 3-2, e foi eliminada da prova.

A expectativa era grande, dado o percurso surpreendente da nossa equipa na Taça de Portugal. De surpresa em surpresa, fomos vencendo as eliminatórias e chegámos aos oitavos-de-final, feito impensável mesmo para os mais otimistas. Por isso mesmo, não foi surpresa a presença de muito público nas bancadas.

O jogo começou e não foi preciso muito tempo para percebermos que a equipa do Arsenal tinha a lição bem estudada e que apresentava argumentos que nos iam causar grandes dificuldades. Assumiu o jogo desde o apito inicial e empurrou-nos para a nossa área, causando-nos calafrios de forma bastante frequente. Só passados largos minutos a nossa equipa se conseguiu libertar do colete de forças a que foi submetido e subir na quadra. Nesta altura equilibramos o jogo. E a meio da primeira parte conseguimos mesmo marcar o primeiro golo da partida, na sequência de um livre à entrada da área adversária, através do Nuno Maduro. Crescia o sonho mas todos sabíamos que faltava muito tempo e que a partida ainda iria trazer muitas emoções. E terminou a primeira parte com a nossa equipa a vencer. Situação que acontecia pela primeira vez nas eliminatórias da Taça de Portugal já que em todas as partidas anteriores começamos a perder.

Na segunda parte foi natural a entrada muito forte do adversário. Mais uma vez fizeram-nos recuar bastante e passar por grandes sustos. Entre ressaltos, defesas e cortes, fomos mantendo o resultado a nosso favor. Mas de tanto insistir, o Arsenal conseguiu mesmo empatar a partida a meio da segunda parte. Com justiça, diga-se em abono da verdade. E sem tirar o pé do acelerador colocou-se mesmo a vencer na partida 3 minutos depois. A tarefa complicava-se cada vez mais para a nossa equipa. Mas como provamos nas eliminatórias anteriores, temos uma alma enorme e não desistimos. E foi com este espírito que, a 5 minutos do final da partida, conseguimos empatar a partida a 2 golos. Nuno Maduro a bisar na partida. Crescia mais uma vez a esperança. Mas apenas meio minuto volvido surge um jogador adversário isolado frente ao nosso guarda-redes e é derrubado pelo Nuno Maduro. Primeira expulsão do jogo e tarefa que se adivinhava extraordinariamente difícil para nós porque tínhamos de defender com apenas 3 jogadores numa altura em que o adversário imprimia ainda mais velocidade no jogo, na procura do terceiro golo.

E aguentámos os dois minutos com menos um jogador sem sofremos nenhum golo. Reposto o equilíbrio no número de jogadores na quadra e poucos segundos depois surge o terceiro golo do adversário, num remate inesperado e quase sem preparação à entrada da nossa área, que surpreendeu toda gente. Restavam-nos apenas 2 minutos para tentar virar o resultado. Tarefa muito difícil. E mais difícil se tornou quando, a 38 segundos do final da partida, sofremos a segunda expulsão na partida. Desta vez foi o outro Nuno, o Guarda, que saiu mais cedo do jogo por acumulação de amarelos. Se antes era muito difícil, a partir deste momento era quase impossível. E ainda tentamos empatar a partida mas em vão. Terminou o jogo e terminou a nossa bonita história na edição deste ano da Taça de Portugal. Já temos saudades.No final ficam os merecidos aplausos a toda gente que faz parte deste grupo e que permitiu escrever esta bonita página na história de um clube pequeno, de amigos de infância, de gente simples, que se intrometeu na luta de gente grande.

Saímos resignados mais MUITO orgulhosos! E à nossa maneira também somos grandes. Muito grandes.

  GALERIA DE FOTOS DO JOGO

Igreja Velha contra Arsenal Parada na Taça de Portugal

taca portugal arsenalEstá encontrado o próximo adversário da ACD Igreja Velha para a Taça de Portugal em futsal. Em sorteio realizado esta tarde na sede da Federação Portuguesa de Futebol, a equipa que nos calhou para os oitavos-de-final foi o Arsenal Clube Parada, de Águas Santas - Maia.

O nosso adversário disputa a III Divisão Nacional Futsal Série A, onde ocupa atualmente o 5º lugar, com 7 vitórias, 2 empates e 5 derrotas.

Recorde-se que para chegar aos oitavos-de-final, a nossa equipa venceu o clube Recreativo Desportivo Miratejo (Seixal), a Academia Desportiva Casa do Povo dos Biscoitos (Praia da Vitória, Açores), o Lamas Futsal Associação Desportiva (Santa Maria de Lamas) e o Sport Lisboa e Olivais (Lisboa), equipa da 1ª Divisão Nacional. Já o nosso adversário eliminou o ABC Nelas, a Mocidade Alegre de Landim, Contacto Futsal Clube e o AJAB Tabuaço.

A partida será realizada no Pavilhão Gimnodesportivo das Colmeias no próximo dia 22 de fevereiro, pelas 18h. Quem vencer segue para os quartos-de-final da competição.

 Força equipa!

 

A história continua a ser escrita

taca portugal olivais vitoriaA equipa de futsal da ACD Igreja Velha venceu este sábado a equipa do Sport Lisboa e Olivais, da 1ª Divisão Nacional, por 4-2 no Pavilhão Gimnodesportivo das Colmeias, em jogo a contar para os 16 avos-de-final da Taça de Portugal.

Não é fácil descrever as emoções que se viveram no pavilhão depois do jogo de ontem. Memorável, histórico, arrepiante, tudo junto. Talvez assim se possa chegar perto daquilo que jogadores, tecnicos, dirigentes e adeptos sentiram quando a dupla de arbitragem deu por terminada a partida. Havia alguém que acreditasse verdadeiramente que era possível vencer uma equipa da 1ª divisão? Daquelas que nos habituamos a acompanhar na tv e nos jornais? Daquelas das quais conhecemos os jogadores e os admiramos? Bom...talvez todos nós acreditássemos. Bem lá no fundo. Só assim é possível explicar o feito que a nossa equipa conseguiu ontem. Vencemos, caramba! Já vos tinha dito?

O jogo começou numa toada morna. Da nossa parte muita expectativa, do adversário um misto de domínio e confiança. E assim foi no decorrer da primeira parte. A equipa de Lisboa dominou a partida e obrigou-nos a defender. Muito. Mas estávamos bastante concentrados e fomos segurando o resultado. Nas bancadas respirava-se de alivio depois  de vermos a nossa equipa conseguir segurar o adversário nos primeiros minutos. Era importante não "começar a perder". E aguentamos....8 minutos. O SL Olivais, que jogava numa toada algo lenta, conseguiu fazer o primeiro golo na primeira oportunidade que teve. Marçal o seu autor. Até final da primeira parte só houve mais uma oportunidade de golo, também para a equipa adversária. Da nossa parte havia uma certa satisfação de vermos a nossa equipa conseguir segurar o "todo poderoso" adversário. E havia a secreta esperança que a segunda parte trouxesse boas novas.

Na segunda parte o jogo começou com mais do mesmo: domínio do adversário. Mas lentamente começou-se a ver a nossa equipa a subir no terreno e a ganhar confiança. Sentia-se claramente que era possível marcar um golo. E aos 5 minutos da segunda parte conseguimos mesmo fazer o golo do empate através do Huguito. Deu-se a primeira explosão de alegria no campo e nas bancadas. Depois seguiram-se uns longos 10 minutos de muita concentração e de um jogo bastante dividido. Crescia a esperança e a crença de que era possível fazer mais qualquer coisa neste jogo. De tal forma que ariscamos várias vezes a jogar de 5 para 4.

A 4 minutos do fim da partida o Fábio recupera uma bola e é parado em falta à entrada da área da equipa adversária. Coube ao Nuno Maduro a marcação do livre. No primeiro remate a bola bate na barreira mas na recarga conseguiu mesmo fazer o nosso segundo golo. Nova explosão enorme de alegria no pavilhão: estávamos a ganhar!

Ainda mal refeitos da última explosão de alegria e surge uma nova. Pela esquerda do nosso ataque o Mike remata cruzado e faz o 3-1. Loucura total! Tínhamos de nos concentrar profundamente em defender este resultado. E assim o fizemos. O SL Olivais tinha menos de 4 minutos para virar o resultado e colocaram "tudo" em campo. Passaram a jogar de 5 para 4 e aumentaram muito o ritmo de jogo. Nesta altura fomos gigantes defensivamente. E a 2 minutos do fim o Eduardo consegue fazer o 4-1 com um remate à saída da nossa àrea para a baliza deserta do adversário. Aqui já todos acreditamos que era possível vencer. Faltam 2 minutos de jogo...."só" 2 minutos. Neste tempo ainda o adversário conseguiu reduzir para 4-2, resultado com que terminou a partida.

A poucos segundos do fim nenhum adepto conseguia estar sentado nas bancadas que, diga-se, estiveram bastante bem compostas. Todos sentiam que estávamos à beira de um feito absolutamente histórico, não só da nossa equipa mas como do próprio futsal. Será assim tão exagerado dizer que é pouco provável que alguma equipa dos distritais tenha eliminado uma equipa da primeira divisão nacional? Não fomos consultar nada nem confirmar a nossa ideia. E até podemos estar errados mas isso pouco importa. Ganhamos e continuamos na Taça de Portugal. Vencemos, caramba! Já vos tinha dito?

  GALERIA DE FOTOS DO JOGO

SL Olivais é o próximo adversário na Taça de Portugal

taca portugal olivaisRealizou-se esta tarde, na sede da Federação Portuguesa de Futebol, o sorteio da 4ª eliminatória (16 avos-de-final) da Taça de Portugal de seniores masculinos de futsal, edição 2013-2014.

E o sorteio ditou que o nosso próximo adversário será a equipa do Sport Lisboa e Olivais, da 1ª divisão nacional, onde ocupa a 13ª posição. É a primeira vez que a nossa equipa disputa uma partida frente a uma equipa do escalão maior do futsal em Portugal. Nesta eliminatória estavam apenas duas equipas dos escalões distritais - a nossa equipa e o Montes Alvorenses, da AF Algarve. E em representação da AF Leiria estavam, também, apenas duas equipas - a nossa e a Burinhosa.

Recorde-se que nas três eliminatórias anteriores a ACD Igreja Velha eliminou três equipa da 3ª divisão nacional, sempre no Pavilhão Gimnodesportivo das Colmeias conforme os regulamentos da prova. As equipas foram o Clube Recreativo Desportivo Miratejo (Seixal), a Academia Desportiva Casa do Povo dos Biscoitos (Praia da Vitória, Açores) e o Lamas Futsal Associação Desportiva (Santa Maria de Lamas).

Desta vez o adversário será uma equipa habituada a jogar frente aos melhores jogadores actuais da modalidade. Basta a referência ao facto de jogar na 1ª divisão, onde defronta equipas como o Sporting ou o Benfica, para ter a noção das dificuldades que nos esperam. Mas da mesma forma como lutamos nas eliminatórias anteriores contra equipas de escalões superiores ao nosso e que eram teoricamente favoritos, vamos lutar com todas as nossas forças e com todo o empenho contra este adversário.

Resta desejar sorte à nossa equipa, sempre necessária, e pedir aos adeptos que compareçam em bom número no Pavilhão das Colmeias no dia 18 de janeiro, a data do jogo, cujo horário está por definir.

VAMOS IGREJA VELHA!

Continuamos a vencer na Taça de Portugal!

taca portugal lamas vitoriaE a nossa história na Taça de Portugal ainda não terminou! Ontem foi mais um episódio, com mais uma vitória, temperada com muitos nervos e emoção. No final do jogo sorrimos mais uma vez e festejamos a passagem de mais uma eliminatória. Continuamos na Taça!

O jogo era contra o Lamas Futsal AD, de Santa Maria de Lamas, atual terceiro classificado da 3ª Divisão Nacional série B, no pavilhão gimnodesportivo das Colmeias. Tínhamos plena noção das dificuldades que nos esperavam. E praticamente começamos a perder. Poucos segundos depois do árbitro apitar para o início do encontro sofremos o primeiro golo, numa desatenção na nossa defesa.

Dada a teórica diferença de qualidade entre as duas equipas, temia-se o pior. Mas os nossos jogadores não tremeram e encheram-se de brio, como que a dizer "se cairmos ao menos temos de cair de pé". Fomos jogando, sempre de forma cautelosa e concentrada. E assim fomos lutando no jogo. Até que numa jogada de insistência o Nuno Guarda consegue marcar e empatar a partida. Estávamos vivos e dispostos a discutir a partida.

Poucos minutos volvidos e começamos a jogar estrategicamente em 5 para 4. E foi precisamente nesta estratégia que conseguimos marcar o nosso segundo golo. Passe do Huguito, bem pelo centro do campo para o segundo poste da baliza adversária onde apareceu o Mike a fazer o golo. E até final da primeira parte nada se alterou.

Na segunda parte esperávamos uma reação forte do adversário, o que aconteceu. Aumentaram o ritmo da partida e foi com naturalidade que vimos a nossa equipa a recuar e a proteger a nossa baliza. Durante longos minutos mantivemo-nos concentrados e, também com alguma sorte à mistura, a vencer. Mas de tanto tentar o Lamas conseguiu mesmo fazer o empate a dois golos. Mesmo à boca da baliza surgiu um jogador adversário a desviar subtilmente uma bola centrada para a nossa área.

Com o empate na partida era necessário não nos desconcentrarmos. E assim aconteceu. Mantivemo-nos absolutamente concentrados e com um espírito guerreiro e de entreajuda que foi fundamental. Fechamos todos os caminhos para a nossa baliza. Nas oportunidades que tivemos, saímos em velocidade na tentativa de marcar o terceiro golo. E foi numa dessas saídas rápidas que o Eduardo consegue ultrapassar o último jogador adversário e centrar para o Mike fazer o nosso terceiro golo. Explosão enorme de alegria em jogadores e adeptos. Mas...faltava tanto tempo!

Os minutos foram passando e, com a concentração de todos os nossos jogadores, fomos vencendo o relógio. O lento avançar dos ponteiros deixava-nos em ansiedade e jogo parecia eterno. Mais 10 segundos, mais 1 minuto, estamos quase.

E foi mesmo até aos últimos instantes, à boa maneira do futsal, que o nervosismo durou. Soa a buzina, apita o árbitro...caramba! Passamos mais uma eliminatória! Continuamos na Taça!

Parabéns jogadores, equipa técnica, dirigentes e adeptos. Um enorme obrigado e Bom Natal!

  GALERIA DE FOTOS DO JOGO

cong tachada

cong tachada

  • 13112807_1121641044542278_6945847540922914802_o_1121641044542278
  • 13161728_1121641627875553_6825276330042230337_o_1121641627875553
  • 13161818_1121641534542229_8623116532692596117_o_1121641534542229
  • 13123363_1121640731208976_4453804811260494794_o_1121640731208976
  • 13147342_1121640734542309_5333217091060483567_o_1121640734542309

cong tachada